Índices asiáticos têm a maior queda semanal do ano

sexta-feira, 7 de março de 2008 07:58 BRT
 

Por Rafael Nam

HONG KONG (Reuters) - Os mercados asiáticos caíram aproximadamente 3 por cento nesta sexta-feira, consolidando as maiores quedas semanais do ano.

As ações foram derrubadas por prejuízos relacionados ao crédito, queda recorde do dólar e pelo temor de que a economia dos Estados Unidos esteja caminhando para uma recessão.

As 7h55 o índice MSCI da Ásia Pacífico exceto Japão tinha queda de 2,85 por cento, a 456,8 pontos, próximo ao fim dos negócios. O índice perdeu cerca de 5,6 por cento esta semana, a pior desvalorização semanal desde meados de agosto.

Na bolsa de Tóquio, o índice Nikkei fechou em baixa de 3,27 por cento, em 432,6 pontos.

Alguns analistas passaram a afirmar que o Japão não está longe de uma recessão. O banco central do país reduziu nesta sexta-feira suas estimativas sobre a segunda maior economia do mundo, um desafio que o presidente do Banco do Japão, Toshiro Muto, pode precisar enfrentar.

Como esperado, o banco central japonês manteve sua taxa de juros inalterada em 0,5 por cento.

Para piorar, o petróleo bateu novo recorde no patamar de 106 dólares o barril, reforçando os temores de que os elevados preços da commodity irão aumentar a pressão inflacionária juntamente com o desaquecimento da economia global.

"Há um grande clima de pânico lá fora", afirmou Angus Gluskie, gerente de portfólio na White Funds Management em Sydney.   Continuação...

 
<p>Os mercados asi&aacute;ticos ca&iacute;ram aproximadamente 3 por cento nesta sexta-feira, consolidando as maiores quedas semanais do ano. Photo by Issei Kato</p>