Lula fará visita oficial a Cuba em breve, diz Miguel Jorge

quarta-feira, 7 de novembro de 2007 19:34 BRST
 

HAVANA (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva fará uma visita oficial a Cuba em breve, disse na quarta-feira o ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge.

Funcionários brasileiros tinham comentando o interesse de Lula de se reunir com o líder cubano Fidel Castro, afastado do poder desde que adoeceu, há mais de 15 meses.

"O presidente virá a Cuba nos próximos 30 ou 40 dias para aumentar ainda mais as relações diplomáticas e políticas, que são muito boas, e as comerciais, que vão crescer também", disse Miguel Jorge a jornalistas, depois de inaugurar o pavilhão brasileiro na Feira Internacional de Havana.

Segundo fontes brasileiras, a visita "de três ou quatro dias" poderia ocorrer no fim de novembro. Lula já visitou a ilha em setembro de 2003, durante seu primeiro mandato.

"Há um interesse pessoal do presidente Lula de incrementar as relações comerciais com Cuba", disse o ministro.

O intercâmbio comercial entre Brasil e Cuba foi de 277 milhões de dólares nos primeiros nove meses de 2007, contra 250 milhões de dólares no mesmo período do ano anterior, segundo dados brasileiros. Embora a balança comercial seja favorável ao Brasil, as exportações a Cuba cairam 14,4 por cento entre janeiro e setembro, para 219 milhões de dólares, enquanto as importações - principalmente de fármacos - registraram um salto de 178 por cento, para 58 milhões de dólares.

Em editorial publicado em maio, Fidel criticou Lula por firmar um acordo para o desenvolvimento de biocombustíveis com o presidente norte-americano George W. Bush.

O Brasil é pioneiro e líder mundial na produção de etanol a partir de cana de açúcar. Castro sustenta que usar alimentos para saciar a sede de combustível condenará a fome bilhões de pobres no mundo.

"Nada afetou a relação (entre os países). Nem sequer houve comentários", disse Miguel Jorge.

 
<p>O presidente Luiz In&aacute;cio Lula da Silva far&aacute; uma visita oficial a Cuba em breve, disse na quarta-feira o ministro de Desenvolvimento, Ind&uacute;stria e Com&eacute;rcio Exterior, Miguel Jorge. Foto de Lula com o presidente da Petrobas, Jos&eacute; S&eacute;rgio Gabrielli, atr&aacute;s, em Bras&iacute;lia, 7 de novembro. Photo by Jamil Bittar</p>