Encomendas à indústria na Alemanha crescem menos que o esperado

segunda-feira, 8 de outubro de 2007 07:32 BRT
 

BERLIM (Reuters) - As encomendas à indústria na Alemanha cresceram 1,2 por cento em agosto, abaixo do esperado, reflexo da fraqueza na demanda interna por bens de consumo e capital, mostraram dados preliminares do Ministério da Economia nesta segunda-feira.

Economistas consultados pela Reuters esperavam um aumento de 2,2 por cento em agosto, depois de uma queda em julho. O Ministério revisou os dados de julho para uma queda de 6,1 por cento, ante queda de 7,1 por cento inicialmente informada.

A demanda doméstica por manufaturas avançou 0,1 por cento em agosto, enquanto as encomendas externas cresceram 2,4 por cento, informou o Ministério.

A demanda interna por bens de capital recuou 0,3 por cento, enquanto a demanda por bens de consumo caiu 0,7 por cento.

(Por Noah Barkin)