Sem novidades, mercado firma aposta em expansão de 4,7% do PIB

segunda-feira, 8 de outubro de 2007 08:42 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O mercado financeiro reafirmou nesta segunda-feira suas apostas em um crescimento forte da economia brasileira em 2007, com inflação relativamente alta, mas ainda dentro dos parâmetros perseguidos pelo Banco Central.

De acordo com levantamento feito pelo BC com economistas no país, os cálculos indicam que a economia brasileira deverá crescer 4,7 por cento neste ano, mesmo percentual estimado pela diretoria do Banco Central.

Em termos de inflação, os analistas consultados esperam que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) feche o ano com alta de 4,01 por cento, praticamente no mesmo patamar indicado na pesquisa passada (4 por cento).

O centro da meta de inflação fixada para este ano é de 4,5 por cento.

(Por Renato Andrade)