CÂMBIO-Mercado se retrai com feriado nos EUA, e dólar tem alta

segunda-feira, 8 de outubro de 2007 11:02 BRT
 

SÃO PAULO, 8 de outubro (Reuters) - O dólar operava em leve alta nesta segunda-feira, em um dia de poucos negócios por conta do feriado de Columbus Day nos Estados Unidos, que fechava parcialmente o mercado norte-americano.

Às 10h59, a moeda BRBY era cotada a 1,808 real, em alta de 0,22 por cento. Na sexta-feira, o dólar recuou 1,15 por cento e fechou no menor valor desde agosto de 2000.

A interrupção parcial dos negócios nos Estados Unidos --que tinha os mercados de bônus e as repartições públicas fechadas devido ao feriado-- tirava força do mercado de câmbio.

"O mercado (brasileiro) tem uma dependência muito direta do mercado lá fora. E, sendo feriado e diminuindo o volume de negócios lá fora, a gente pára praticamente", disse Jorge Knauer, gerente de câmbio do Banco Prosper, no Rio de Janeiro.

Por isso, explicou o gerente, "tudo o que acontecer hoje não revela absolutamente nada (de tendência)... Se ele cair ou subir hoje, não pode levar como tendência para amanhã".

E a tendência, afirma Knauer, ainda é de queda do dólar, por conta do fluxo de entrada de moeda. "Hoje, amanhã, nada impede que ele fure 1,80 (real). Não existe nenhum número mágico que o mercado vá respeitar, ele vai respeitar o fluxo e as indicações do mercado externo", comentou.

Em setembro, o corte do juro nos Estados Unidos recuperou a entrada de dólares no país, que até a metade do mês registrava fluxo cambial negativo por conta da crise de crédito nos mercados globais.