Equador será "flexível" na renegociação de contratos petroleiros

segunda-feira, 8 de outubro de 2007 12:28 BRT
 

QUITO, 8 de outubro (Reuters) - O Equador anunciou que será flexível nas conversas com as petroleiras estrangeiras para a renegociação dos contratos atuais, porém o aumento inesperado no valor dos royalties recebidos pelo governo não deve ser negociado, afirmou o ministro de Petróleo do país, Galo Chiriboga, à Reuters.

Chiriboga deseja que as companhias troquem contratos que lhes garantem o acesso a parte do petróleo extraído por novos acordos que dão ao Estado a propriedade de toda a produção petrolífera.