Dólar cai com fluxo positivo e volta abaixo de R$1,70

terça-feira, 8 de abril de 2008 16:21 BRT
 

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO (Reuters) - O dólar fechou em baixa pelo sexto dia consecutivo nesta terça-feira, influenciado pela entrada de divisas e pela relativa tranquilidade no mercado doméstico mesmo com a fraqueza dos negócios no exterior.

A moeda norte-americana recuou 0,59 por cento, para 1,694 real. Foi a primeira vez em que a moeda fechou abaixo de 1,70 real desde 18 de março.

"Esses dias todos têm tido uma entrada forte (de dólares no) mercado", disse o gerente de câmbio de um banco estrangeiro, que preferiu não ser identificado.

A moeda norte-americana chegou a operar em alta no começo da sessão, reagindo a ajustes após as sucessivas baixas. Não tardou, porém, para que revertesse a queda, que se aprofundou nos últimos minutos de negócios ao mesmo tempo em que a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) acelerava a alta.

O movimento dos mercados brasileiros caminhou na contramão das bolsas norte-americanas, que passaram o dia em queda com a preocupação sobre o setor financeiro e com a ata pessimista do Federal Reserve.

A moeda norte-americana também foi influenciada pela expectativa de aumento da taxa básica de juros no Brasil na próxima semana, afirmaram agentes de mercado.

"A diferença atual entre a taxa de juro Selic e a taxa de juro básica americana já fomenta a especulação, desde que o ambiente esteja acomodado no exterior", disse Sidnei Nehme, diretor-executivo da NGO Corretora, em relatório.

No final da sessão, o Banco Central realizou um leilão de compra de dólares no mercado à vista, com taxa de corte de 1,700 real. Foram aceitas duas propostas, segundo operadores.

(Edição de Vanessa Stelzer)