August 8, 2008 / 5:30 PM / 9 years ago

REPERCUSSÃO2-Analistas discutem conflito na Ossétia do Sul

5 Min, DE LEITURA

LONDRES, 8 de agosto (Reuters) - Os combates aumentaram dentro e ao redor da capital da Ossétia do Sul, região da Geórgia, com soldados e aviões da Geórgia enfrentando forças separatistas em uma tentativa de retomar o controle da região.

De acordo com a mídia russa, reforços de Moscou estão sendo enviados para a região, aumentando a ameaça de uma guerra ampla entre Rússia e Geórgia --ex-membro da União Soviética que agora é aliada dos Estados Unidos.

Veja a seguir comentários de analistas de defesa e política sobre a escalada da crise:

CHRISTOPHER LANGTON, ANALISTA DE DEFESA, INSTITUTO INTERNACIONAL DE ESTUDOS ESTRATÉGICOS E ESPECIALISTA EM ÁSIA CENTRAL:

"É muito difícil dizer quão séria está a situação neste momento.

Mesmo que as imagens de televisão pareçam mostrar blindados russos a caminho da Ossétia do Sul, não dá para saber ao certo.

Se for esse o caso, seria o incidente mais sério na Ossétia do Sul desde o final da guerra, e mudaria a face do conflito de forma dramática.

Há agora o perigo real de que forças russas e georgianas combatam seriamente.

Eu ainda estou um pouco intrigado sobre o motivo disso ter ido tão longe, dados os riscos à Geórgia em termos da possibilidade de não conseguir realizar as aspirações para a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) e para a União Européia.

A Rússia tem uma capacidade militar, se estiver mesmo indo em direção à Ossétia do Sul, de garantir um corredor de Tskhinvali ao túnel Roki e para garantir a própria Tskhinvali", disse em referência ao túnel que é a única rota terrestre entre a Ossétia do Sul e a Rússia. Tskhinvali é a principal cidade da Ossétia do Sul.

O maior perigo agora seria o combate na própria cidade."

SVANTE CORNELL, CO-DIRETOR DO INSTITUTO DE POLÍTICAS DE SEGURANÇA E DESENVOLVIMENTO, EM ESTOCOLMO, E ESPECIALISTA EM GEÓRGIA:

Quais são as raízes do conflito?

"A história tem a ver com a independência do Kosovo, com a cúpula da Otan em Bucareste e também com a política interna russa e a transferência de poder.

"Em fevereiro, diplomatas russos disseram que a declaração unilateral de independência de Kosovo contra a Sérvia mexeria com os Bálcãs e associaria o status kosovar a regiões separatistas como a Abkházia e a Ossétia do Sul."

Cornell afirmou que a Rússia aproveitou o momento para se afirmar na Ossétia do Sul quando a Europa não está disposta a irritar Moscou e os Estados Unidos estão distraídos com as eleições domésticas. E a Geórgia parece ter caído na provocação da Ossétia do Sul.

"Independentemente de quem disparou esta ação recente, a direção geral da política russa é clara: 'Estamos tomando controle desses territórios, e nem estamos fingindo que não'."

PAVEL FELGENHAUER, ANALISTA DE SEGURANÇA:

Até aonde a Rússia pode ir?

"A mudança da sorte de uma ofensiva georgiana significaria uma invasão maciça das forças russas.

(A Rússia) precisaria colocar suas tropas nos campos de batalha, e isto não garantiria uma vitória sobre a Geórgia pois não poderia alocar muitas tropas.

Apenas uma única estrada liga o sul da Rússia com a Ossétia do Sul, não existem pistas de pouso com capacidade militar e a neve de outubro a maio fecha as passagens pelas montanhas.

Uma intervenção maciça russa significaria que haveria uma longa guerra, um guerra sangrenta, com um resultado imprevisível, pois a Ossétia é geograficamente separada da Rússia.

É um grande pesadelo de logística tentar tomar e manter a Ossétia do Sul contra um bom exército georgiano."

Michael Ganske, Analista, Commerzbank:

"Como este conflito se desenvolverá é imprevisível neste momento --o que está claro é que nós estamos entrando em um novo estágio de um período de um ano de conflito entre Rússia e Georgia. Os acontecimentos de hoje e as suas consequências estão deteriorando a confiança dos investidores nos ativos russos."

Reportagem de Luke Baker, Adrian Croft, Peter Apps, Janet McBride, Christopher Baldwin and Susan Cornwell

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below