CONSOLIDA-Em projeção pessimista, FMI vê forte desaceleração

quarta-feira, 8 de outubro de 2008 14:11 BRT
 

Por Lesley Wroughton

WASHINGTON, 8 de outubro (Reuters) - O Fundo Monetário Internacional, na sua previsão mais pessimista em anos, afirmou nesta quarta-feira que a economia mundial está caminhando para uma forte desaceleração, com os Estados Unidos e a Europa próximos à recessão.

O FMI afirmou que a turbulência dos mercados financeiros --a mais violenta desde os anos de 1930 e ainda em evolução-- cobrará um alto preço econômico à medida que os mercados lutam com uma crise de confiança e o crédito global é asfixiado.

A avaliação do FMI foi escrita antes dos cortes de juros coordendados de 0,5 ponto percentual realizados pelo Federal Reserve, Banco Central Europeu, Banco da Inglaterra, Suíça, Canadá e Suécia nesta quarta-feira.

O novo economista-chefe do FMI, Olivier Blanchard, afirmou que a ação conjunta é uma passo na direção certa, porém mais medidas podem ser necessárias à medida que a economia mundial se desacelere.

"Meio ponto percentual não é insignificante", afirmou Blanchard em entrevista coletiva. "Mais é necessário, em particular na Europa, neste ponto", afirmou ele.

Em sua Perspectiva Econômica Mundial semestral, o FMI cortou a previsão para o crescimento mundial em 2009 para 3 por cento, que será o menor ritmo em sete anos, frente a uma projeção anterior de 3,9 por cento, e alertou que uma recuperação seria especialmente lenta.

O fundo afirmou que o crescimento deste ano será de 3,9 por cento, pouco abaixo dos 4,1 por cento que projetou em julho.

Blanchard deixou claro que a previsão de crescimento global de 3 por cento não é uma recessão.   Continuação...