Paulson não descarta intervenção no dólar

segunda-feira, 9 de junho de 2008 13:59 BRT
 

WASHINGTON, 9 de junho (Reuters) - O secretário do Tesouro norte-americano, Henry Paulson, recusou-se nesta segunda-feira a descartar uma intervenção nos mercados de câmbio para estabilizar o dólar, mas disse que os fortes fundamentos de longo prazo da economia dos EUA vão se "refletir" no câmbio.

"Eu jamais descartaria uma ação de intervenção ou alguma outra ferramenta", disse Paulson em entrevista à CNBC. "Eu simplesmente não posso especular sobre o que iremos ou não fazer."

Paulson afirmou também que os preços recordes do petróleo são "um problema" para a economia norte-americana. "Não há nada de bom nisso e é realmente um problema."

(Reportagem de David Lawder)