PCdoB declara apoio a Rosário (PT) em Porto Alegre

quinta-feira, 9 de outubro de 2008 21:30 BRT
 

BRASíLIA, 9 de outubro (Reuters) - A direção nacional do PCdoB decidiu na quinta-feira que apoiará a candidata do PT à prefeitura de Porto Alegre (RS), Maria do Rosário, no segundo turno.

O gesto, entretanto, dependerá de um acerto entre as coordenações das campanhas da petista e de Manuela D'Ávila, candidata do PCdoB que não conseguiu passar para a segunda etapa da eleição da capital gaúcha.

"Demanda um entendimento", comentou à Reuters o secretário nacional de Organização do PCdoB, Walter Sorrentino.

A eleição municipal de Porto Alegre dividiu a esquerda, que lançou três candidatas: Maria do Rosário, Manuela e Luciana Genro (PSOL). Na reta final da campanha, quando as duas primeiras lutavam pela vaga no segundo turno, a disputa se acirrou. Maria do Rosário concorre agora com o atual prefeito, José Fogaça (PMDB).

Em relação a Belo Horizonte, onde Jô Moraes também não passou para o segundo turno, a situação está indefinida. Integrantes das direções nacional e local do partido se reunirão no sábado para definir se apoiarão Márcio Lacerda (PSB) ou Leonardo Quintão (PMDB).

Em Belém, entretanto, o peemedebista José Priante já pode comemorar. A direção do PCdoB decidiu que o apoiará na capital paraense contra o atual prefeito Duciomar Costa (PTB).

A mesma definição foi tomada em relação a Roberto Góes (PDT), em Macapá (AP), e Serafim Corrêa (PSB), em Manaus (AM).

No Rio de Janeiro, o PCdoB apoiará Eduardo Paes (PMDB) contra Fernando Gabeira (PV). "A candidatura de Gabeira tem uma roupagem oposicionista", criticou Sorrentino.

(Reportagem de Fernando Exman; Edição de Mair Pena Neto)