Mantega descarta pressão inflacionária com alta do dólar

terça-feira, 9 de setembro de 2008 10:37 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou nesta terça-feira que a recente desvalorização do real não vai afetar a inflação, porque ela está sendo neutralizada pela queda nos preços das commodities.

Mantega reiterou também que o real chegou no seu limite de valorização.

"Há uma neutralização dessa aceleração (alta do dólar), pela queda forte que está havendo nas commodities", disse Mantega a jonalistas.

"A inflação está caindo. Há uma desaceleração de todos os índices, portanto, estamos tranquilos."

Nesta manhã, o dólar operava em alta de 1,44 por cento, a 1,760 real.

O ministro afirmou que com o câmbio muito valorizado, o país tinha prejuízo nas contas externas.

"Com esta autocorreção (do câmbio)..., você terá um desempenho melhor."

"A tendência agora é que não haja a valorização que havia no passado. Chegamos ao limite da valorização do real."

(Reportagem de Isabel Versiani; Edição de Vanessa Stelzer)