EMBRAER vê forte demanda por jatos apesar de crise nos EUA

quarta-feira, 9 de julho de 2008 16:20 BRT
 

Por Andrei Khalip

RIO DE JANEIRO, 9 de julho (Reuters) - A Embraer, terceira maior fabricante de aviões comerciais do mundo, afirmou nesta quarta-feira esperar que a demanda por aviões continue crescendo, apesar da desaceleração da economia norte-americana e dos altos preços do petróleo.

A empresa prevê que os países emergente vão absorver os aviões menores que serão removidos das rotas norte-americanas.

Executivos da Embraer (EMBR3.SA: Cotações)(ERJ.N: Cotações) também afirmaram, em teleconferência nesta quarta, que "não há indicações" de nenhum cancelamento ou adiamento em seus pedidos.

Luiz Chiesse, vice-presidente para inteligência de mercado, afirmou que mesmo nos Estados Unidos a demanda por jatos regionais de capacidade maiores estava crescendo. Isto irá beneficiar a Embraer, que é especialita em aviões de pequeno e médio porte, afirmou ele.

"As principais companhias aéreas norte-americanas estão passando de 30-60 lugares para aviões de 60-90 lugares. A tendência é aumentar para os de 75 lugares, enquanto eles estão mantendo aproximadamente 40 por cento dos RJ50s (aviões com capacidade para 50 lugares) em suas frotas para balancear a capacidade e as demandas em diferentes mercados", disse ele.

"Nós esperamos vender vários jatos da família de ERJ170-195 apesar da turbulência... Nossos jatos-E estão subsituindo as aeronaves de maior capacidade à medida que as companhias aéreas estão procurando a capacidade certa para sua demanda", afirmou ele.

Ele disse que a Embraer espera que 250 a 270 jatos de 50 lugares sejam cortados das rotas norte-americanas nos próximos três ou cinco anos. Após este período, o mercado norte-americano deve se estabilizar.

"Estes aviões terão de achar uma outra área para voar se eles não quiserem perder dinheiro --aí entramos nós, as empresas aéreas, bancos que apoiam esta operação. Nós temos um certo compromisso financeiro com estas aeronaves", disse Chiessi.   Continuação...