Citi eleva recomendação de UNIBANCO e reduz BRADESCO

terça-feira, 9 de outubro de 2007 11:19 BRT
 

SÃO PAULO, 9 de outubro (Reuters) - O Citigroup (C.N: Cotações) elevou nesta terça-feira recomendação de investimentos nas ações do Unibanco e reduziu classificação dos papéis do Bradesco. O banco revisou seus modelos de estimativas de lucro após os balanços de segundo trimestre das instituições financeiras.

A classificação das ações do Unibanco foram elevadas de "Hold/Medium Risk" (manter) para "Buy/Medium risk" (comprar), mesma classificação mantida para o Itaú, enquanto as ações do Bradesco foram reduzidas de "Buy/Medium Risk" para "Hold/Medium Risk".

Os preços-alvos também foram alterados. O Itaú ITAU4.SA teve o preço-alvo de seus papéis aumentado para 70 reais em um ano. As units do Unibanco UBBR11.SA tiveram preço alvo elevado para 32,50 reais por ação. Os papéis do Bradesco BBDC4.SA tiveram elevação no preço-alvo para 65 reais.

O Citi afirma em relatório que o motivo da revisão foi a incorporação dos resultados do segundo trimestre de 2007 em suas avaliações, elevando as projeções de lucro por ação de Itaú e Unibanco e reduzindo a do Bradesco.

As ações dos bancos eram negociadas nesta manhã em alta. Por volta das 11h20, Itaú estava em 50,20 reais, com alta de 0,6 por cento; Unibanco em 26,80 reais, com alta de 1,5 por cento; o Bradesco subia 0,33 por cento, negociadp a 57,84 reais. A Bovespa se valorizava 0,55 por cento, em 63.005 pontos.