Jefferson Peres promete parecer técnico em processo contra Renan

quarta-feira, 10 de outubro de 2007 13:17 BRT
 

BRASÍLIA (Reuters) - O senador Jefferson Peres (PDT-AM) será o relator da terceira representação contra Renan Calheiros (PMDB-AL) no Conselho de Ética, referente à acusação de ter utilizado "laranjas" para a compra de duas emissoras de rádio e uma de TV em Alagoas.

Peres anunciou que planeja apresentar seu parecer até o dia 2 de novembro, "mesmo que seja dia de Finados", e prometeu isenção, mesmo com sua posição favorável à saída de Renan da presidência do Senado.

"Vai ser um parecer técnico, embora eu já tenha pedido politicamente o afastamento do senador Renan da presidência", afirmou Peres a jornalistas. "São coisas diferentes. A minha posição como senador é uma, e como relator é outra."

O senador pedetista não descarta a possibilidade de chamar para depor o usineiro João Lira, desafeto de Renan e responsável pela denúncia que levou à representação.

Embora comprometido a ter seu parecer pronto até 2 de novembro, prazo em que a oposição promete obstruir todas as votações no Senado caso Renan não se afaste da presidência, Peres ainda conversará com o corregedor do Senado, Romeu Tuma (DEM-SP) para se inteirar das investigações já feitas.

"Só posso começar nas oitivas quando receber todas as informações da corregedoria do Senado", disse Peres.

A segunda representação contra Renan, no Conselho de Ética, que trata de suposto beneficiamento à cervejaria Schincariol, tem como relator o senador João Pedro (PT-AM).

A quarta representação, sobre um esquema de arrecadação de dinheiro em ministérios comandados pelo PMDB, será relatada pelo senador Almeida Lima (PMDB-SE), fiel aliado de Renan.

O presidente do Congresso ainda pode responder a um quinto processo, que já está na Mesa do Senado, mas ainda não foi encaminhado para o Conselho de Ética.   Continuação...