Consultoria reduz preço alvo da PETROBRAS na Argentina

quarta-feira, 10 de outubro de 2007 13:02 BRT
 

BUENOS AIRES, 10 de outubro (Reuters) - A consultoria Argentine Research reduziu na quarta-feira o preço alvo das ações da Petrobras Energia Participaciones, subsidiária da Petrobras (PETR4.SA: Cotações) na Argentina, de 4,3 para 3,9 pesos, devido às perspectivas de ganhos menores com a operação no Equador.

A decisão equatoriana de elevar o recolhimento do faturamento extra das petroleiras estrangeiras afetariam a rentabilidade da filial argentina da Petrobras, avaliou a consultoria.

A Argentina Research não modificou no entanto a recomendação de "manter" para as ações da Petrobras Participaciones PCH.BA, controladora da Petrobras Energia (PER.BA: Cotações).

O governo de Rafael Correa anunciou na semana passada o aumento da participação do Estado no faturamento das petrolíferas estrangeiras, devido ao alto preço do petróleo no mercado internacional. As empresas terão que entregar 99 por cento da receita extra obtida com o aumento do preço da commodity.

"Nos últimos dias novas notícias negativas sobre a Petrobras foram conhecidas, que continuaram pressionando significativamente a sua rentabilidade", afirmou Guilherme Lizaso, analista da Argentina Research.