Dantas volta a ser preso pela PF, agora acusado de corrupção

quinta-feira, 10 de julho de 2008 16:02 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - Cerca de 10 horas após deixar a carceragem da Polícia Federal em São Paulo, o banqueiro Daniel Dantas voltou a ser preso na tarde desta quinta-feira, acusado de corrupção.

De acordo com a assessoria de imprensa da PF, o juiz da 6a Vara Federal Criminal de São Paulo, Fausto de Sanctis, decidiu pela nova prisão do banqueiro por considerar que há indícios contundentes que Dantas tentou subornar um delegado da Polícia Federal, responsável pela operação que resultou em sua primeira prisão e de mais 16 pessoas na terça-feira.

Dantas havia sido libertado na manhã desta quinta-feira junto a outros oito suspeitos, graças a habeas corpus concedido pelo presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes. Os demais acusados soltos junto com Dantas não voltaram a ser detidos, segundo a PF.