Presidente do Banco da Inglaterra diz que crise ainda nã acabo

terça-feira, 10 de junho de 2008 08:54 BRT
 

Por Sumeet Desai

LONDRES (Reuters) - A crise no mercado financeiro ainda não acabou, alertou nesta terça-feira Mervyn King, presidente do Banco da Inglaterra, ao comentar sobre suas idéias de como prevenir futuras crises, incluindo a criação de um novo mecanismo de liquidez.

Em um discurso para banqueiros que praticamente não tocou nas perspectivas atuais da economia, King disse que pretende usar seu segundo mandato como presidente do banco central britânico para implementar uma estrutura para a preservação da estabilidade financeira tão robusta quanto a política monetária.

King disse que o banco vai usar a experiência adquirida com seu programa especial de liquidez, lançado em abril --que permitiu aos bancos trocarem ativos de difícil negociação por outros mais líquidos em poder do banco central -- para criar um novo mecanismo de geração de liquidez.

"Isso será parte de uma série de reformas... que serão anunciadas este ano", disse King.

"Qualquer mecanismo terá que cumprir dois desafios: será preciso ter a estrutura certa de precificação e precisará superar o 'estigma' que afetou o acesso a todos os bancos centrais durante a atual crise".