Petróleo nos EUA fecha em queda com reservas no golfo e dólar

quarta-feira, 10 de setembro de 2008 18:03 BRT
 

NOVA YORK (Reuters) - Os futuros do petróleo fecharam em queda nesta quarta-feira após sessão volátil, pressionado por um dólar forte e dados do governo mostrando que os estoques de petróleo aumentaram na região de refino na costa norte-americana do Golfo do México após o furacão Gustav ter fechado diversas instalações na última semana.

O aumento dos estoques de petróleo na região da costa do golfo compensou as preocupações com uma queda nas reservas totais do país, afirmaram operadores.

Na Nymex, o contrato outubro fechou a 102,58 dólares por barril, em queda de 0,68 dólar, após ser negociado entre 101,36 dólares e 104,97 dólares por barril.

Em Londres, o petróleo tipo Brent fechou a 98,97 dólares por barril, em baixa de 1,37 dólar, sendo negociado entre 98,10 e 102,06 dólares por barril.

"Uma razão para o petróleo estar caindo frente a dados aparentemente de suporte com a queda de 5,9 milhões de barris nas reservas (de todo o país) é o fato de os estoques terem na verdade aumentado em 1,8 milhão de barris na região da costa do golfo", afirmou Jim Ritterbusch, presidente da Ritterbusch & Associates.

O furacão Ike, que deve chegar ao território norte-americano no sábado, não deve atingir a maior parte das instalações marítimas de produção de petróleo e de gás no Golfo do México.

(Reportagem de Rebekah Kebede)