CÂMBIO-Dólar sobe com queda da Bovespa e movimentação externa

quinta-feira, 10 de julho de 2008 10:41 BRT
 

SÃO PAULO, 10 de julho (Reuters) - O dólar operava em alta nesta quinta-feira, atento ao fluxo de recursos em meio à queda da Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) e à movimentação instável do mercado internacional.

Às 10h40, a moeda norte-americana BRBY era cotada a 1,617 real, em alta de 0,43 por cento. Na véspera, o feriado em São Paulo fechou a Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F) e tirou a maior parte do volume do mercado.

Mas enquanto São Paulo comemorava o feriado da Revolução Constitucionalista, o mercado internacional sofria com a preocupação sobre o setor financeiro. A repercussão no Brasil ocorria nesta quinta-feira, com queda de quase 2 por cento da Bovespa .BVSP e reflexos sobre o dólar.

"Tem saída de fluxo na bolsa", disse Renato Schoemberger, operador da Alpes Corretora. "O mercado ainda está preocupado com o que pode acontecer lá fora. Mas não está tendo muito volume", ponderou.

O mercado internacional acordou mais tranquilo nesta quinta-feira, com bolsas estaáeis nos Estados Unidos. O dólar, no entanto, subia ante outras moedas no exterior e pode exercer uma pressão extra sobre o mercado de câmbio no Brasil.

"Ele (mercado no Brasil) vem acompanhando há um bom tempo os movimentos em relação ao euro e ao iene", disse o operador, para quem o dólar tem espaço para subir mais até o final da semana. "Lá fora ainda não está legal".

Apesar da cautela, os estrangeiros continuam expostos à queda do dólar na BM&F. Na terça-feira, último dado disponível, eles mantinham pouco mais de 4 bilhões de dólares em posições vendidas em derivativos cambiais.

(Reportagem de Silvio Cascione; Edição de Vanessa Stelzer)