Déficit comercial dos EUA diminuiu inesperadamente em maio

sexta-feira, 11 de julho de 2008 09:44 BRT
 

WASHINGTON, 11 de julho (Reuters) - O déficit comercial dos Estados Unidos diminuiu inesperadamente em maio, com recorde das exportações e das importações e com o preço médio do petróleo importado atingindo a máxima histórica de 106,28 dólares por barril, mostrou nesta sexta-feira um relatório do Departamento de Comércio.

O déficit comercial diminuiu para 59,8 bilhões de dólares em maio, após resultado revisado ligeiramente para baixo de 60,5 bilhões de dólares em abril. Analistas de Wall Street esperavam que a alta do petróleo aumentasse o déficit para 62,5 bilhões de dólares em maio.

(Reportagem de Doug Palmer)