11 de Setembro de 2008 / às 16:41 / 9 anos atrás

Bolsas européias caem pelo 3o dia seguido, bancos pesam

LONDRES (Reuters) - As bolsas de valores européias caíram pelo terceiro dia seguido nesta quinta-feira, com investidores ainda preocupados com o destino do setor financeiro.

O índice FTSEurofirst 300 recuou 0,65 por cento, para 1.140 pontos. O índice já caiu mais de 24 por cento no ano.

As ações de bancos apresentaram a maior perda setorial do índice, com os papéis do Societe Generale em baixa de 3,1 por cento, do Fortis em queda de 2,1 por cento e do BNP Paribas com declínio de 1,1 por cento.

"Numa visão de 12 meses, não é provável que o setor financeiro apresente uma performance forte", disse Ronan Carr, estrategista para Europa do Morgan Stanley.

"A perspectiva de lucro para os bancos continuará a ser dificultosa, a dívida deve aumentar e o cenário de acesso a capital permanecerá difícil".

A confiança também foi abatida pela derrocada de cerca de 35 por cento das ações do Lehman Brothers, enquanto Wall Street questionava se o banco de investimento sobreviverá depois de não ter anunciado a venda de ativos para cobrir perdas com investimentos ligados ao setor imobiliário.

O Lehman anunciou na quarta-feira prejuízo trimestral recorde de 3,9 bilhões de dólares e informou que vai desmembrar ativos e vender uma parcela de sua unidade de gestão de investimentos.

Um retrato sombrio continua a assombrar os investidores. Levantamento da Reuters com cerca de 200 economistas apontou que as maiores economias industrializadas do mundo ainda estão ameaçadas pela recessão neste ano, e que a chance disso ocorrer é maior agora que há um mês. [ID:nN11330795]

O presidente do Banco da Inglaterra, Mervyn King, disse que a perspectiva para o crescimento piorou. A economia britânica não conseguiu crescer no segundo trimestre pela primeira vez desde 1990 e muitos analistas têm dito que as coisas devem piorar.

As ações do Deutsche Bank caíram 2,6 por cento. O banco declarou que está em negociações avançadas para adquirir participação no Deutsche Postbank .

As ações de mineradoras subiram, apesar da queda nos preços dos principais metais. Os papéis de BHP Billiton, Anglo American, Kazakhmys, Xstrata, Antofagasta e Rio Tinto avançaram entre 0,2 e 5,2 por cento.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em queda de 0,89 por cento, a 5.318 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX recuou 0,51 por cento, para 6.178 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 caiu 0,81 por cento, para 4.249 pontos.

Em MILÃO, o índice Mibtel encerrou em baixa de 0,37 por cento, a 21.420 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou desvalorização de 0,4 por cento, para 11.136 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 teve recuo de 0,55 por cento, para 8.242 pontos.

Reportagem de Atul Prakash e Joanne Frearson

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below