September 11, 2008 / 8:43 PM / 9 years ago

PANORAMA2-Mercado especula sobre futuro do Lehman e bolsas sobem

4 Min, DE LEITURA

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 11 de setembro (Reuters) - O futuro do Lehman Brothers foi o principal assunto dos mercados financeiros nesta quinta-feira, com a especulação de que um acordo de compra poderia evitar o colapso do quarto maior banco de investimento dos Estados Unidos.

O Bank of America (BAC.N) está entre as instituições que avaliam a compra do Lehman LEH.N, segundo matéria publicada pelo Wall Street Journal no final da tarde. Após a notícia, as bolsas de valores de Nova York aceleraram o passo e fecharam em alta de mais de 1 por cento.

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) aproveitou a recuperação internacional e garantiu alta de mais de 3 por cento, voltando a fechar acima dos 51 mil pontos.

O Wall Street Journal ponderou que qualquer acordo está longe de ser fechado. Em março, o Bear Stearns foi comprado pelo JP Morgan (JPM.N) depois de intervenção do Federal Reserve.

As ações do Lehman despencaram cerca de 40 por cento. No começo do dia, a preocupação com o futuro do banco aumentou a aversão ao risco e abalou as moedas e bolsas de valores de países emergentes --o suficiente para que o dólar superasse 1,80 real pela primeira vez desde janeiro.

No mercado de petróleo, a commodity ameaçou, mas não rompeu o piso de 100 dólares por barril em Nova York. Mesmo assim, a queda de quase 2 dólares foi mais um fator que impulsionou as bolsas no fim da tarde.

Veja como encerraram os principais mercados nesta quinta-feira:

CÂMBIO BRBY

O dólar terminou a 1,816 real, em alta de 1,74 por cento. O volume no segmento interbancário foi de 2,2 bilhões de dólares.

Bolsa .Bvsp

O Ibovespa avançou 3,3 por cento, a 51.270 pontos. O volume financeiro na bolsa foi de 5,6 bilhões de reais.

ADRs BRASILEIROS .BR20

O índice de principais ADRs brasileiros fechou em alta de 1,33 por cento, aos 28.576 pontos.

JUROS <0#2DIJ:>

Os contratos de depósito interfinanceiro (DI) fecharam sem rumo comum na BM&F. O DI janeiro de 2010 caiu a 14,64 por cento, enquanto o DI janeiro de 2012 subiu a 14,14 por cento.

Global 40 braglb40=Rr

O título de referência dos mercados emergentes, o Global 40, recuava para 130,875 por cento do valor de face no final da tarde, oferecendo rendimento de 5,56 por cento ao ano.

RISCO-PAÍS 11EMJ

No final da tarde, o risco Brasil subia 2 pontos, a 270 pontos-básicos. O EMBI+ estava em 333 pontos-básicos.

Bolsas Dos Eua

O índice Dow Jones .DJI avançou 1,46 por cento, a 11.433 pontos. O Nasdaq .IXIC teve alta de 1,32 por cento, a 2.258 pontos. O índice S&P 500 .SPX subiu 1,38 por cento, aos 1.249 pontos.

Treasuries De 10 Anos us10yt=Rr

O preço dos títulos do Tesouro norte-americano de 10 anos, referência do mercado, recuava levemente e o rendimento subia para 3,65 por cento no final da tarde ante 3,63 por cento na quarta-feira.

(PANORAMA1 e PANORAMA2 são localizados no terminal de notícias da Reuters pelo código PAN/SA)

Reportagem adicional de Aluísio Alves e Vanessa Stelzer; Edição de Daniela Machado

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below