JURO-Projeções seguem perto da estabilidade após ajuste com IPCA

sexta-feira, 11 de abril de 2008 16:37 BRT
 

SÃO PAULO, 11 de abril (Reuters) - As projeções de juros encerraram a sexta-feira sem tendência comum, mas com oscilações pouco significativas depois de o mercado já ter ampliado sua aposta num aperto monetário na semana que vem.

O contrato de Depósito Interfinanceiro (DI) janeiro de 2009 <0#2DIJ:> --o mais negociado do dia-- ficou estável em 12,46 por cento ao ano.

O DI julho de 2008 virou nos últimos minutos do pregão e subiu de 11,61 por cento na véspera para 11,62 por cento. O janeiro de 2010 ficou em 13,25 por cento.

Divulgado na quarta-feira, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) superou o teto das previsões em março, levando o mercado futuro a precificar uma chance de 80 por cento de alta da Selic em 0,50 ponto percentual.

Com isso, as projeções de juros já subiram bastante e deixaram menos espaço para mais elevações nos dias seguintes, segundo analistas. "Sem notícias de inflação para ditar o ritmo, os juros nos mercados futuros continuam relativamente estáveis", resumiu Vladimir Caramaschi.

Economistas consultados pela Reuters projetam um aumento de 0,25 ponto percentual da Selic na próxima semana.

No mercado aberto, o Banco Central recolheu 24,698 bilhões dos bancos. O dinheiro será devolvido na segunda-feira, com remuneração de 11,19 por cento ao ano.

(Por Vanessa Stelzer; Edição de Daniela Machado)