GE tem queda de lucro no 1o tri e reduz previsão para o ano

sexta-feira, 11 de abril de 2008 08:08 BRT
 

BOSTON, Estados Unidos (Reuters) - A General Electric divulgou nesta sexta-feira uma inesperada queda de 6 por cento do lucro. O resultado foi impactado pela redução da atividade na economia dos Estados Unidos e pela crise de crédito que afetou ganhos nas unidades de finanças, industrial e de saúde.

"O extraordinário rompimento nos mercados de capitais em março afetou nossa capacidade de completar venda de ativos e resultou em perdas maiores e prejuízos", disse Jeff Immelt, presidente-executivo da segunda maior companhia dos EUA em valor de mercado.

A empresa também reduziu sua previsão de desempenho para o ano para entre 2,2 e 2,3 dólares por ação.

A GE, que também tem atividades em mídia, teve lucro de 4,3 bilhões de dólares, ou 0,43 dólar por ação. Um ano antes, o ganho havia sido de 4,57 bilhões de dólares, ou 0,44 dólar por ação. A receita subiu 7,8 por cento.

Analistas previam que a empresa conseguiria ampliar o lucro no primeiro trimestre. Até agora neste ano, as ações da GE recuaram menos de 1 por cento, enquanto o índice Dow Jones caiu cinco por cento.

"Estes resultados confirmam que a redução do ritmo econômico está se espalhando e começando a impactar capex (investimentos) e negócios de ciclos mais longos", disse Stephen Surpless, analista sênior da Cantor Fitzgerald, em Londres.

"Apesar da crise de crédito pode estar perto mais perto do fim que do começo, segundo alguns, o impacto na economia real está acontecendo e não deve diminuir em 2008", acrescentou.

(Por Scott Malone)