Sarkozy diz que vai tirar lições das eleições locais francesas

terça-feira, 11 de março de 2008 08:34 BRT
 

TOULON (Reuters) - O presidente francês Nicolas Sarkozy disse na terça-feira que tiraria conclusões dos resultados das eleições locais de domingo que, espera-se, trarão perdas para o UMP, partido de centro-direita do presidente.

Os socialistas, da oposição, conseguiram várias vitórias importantes no primeiro turno das eleições no último domingo e, no segundo turno, que ocorre no dia 16 de março, têm grandes chances de tomar da direita o controle da capital, Paris, e de várias grandes cidades.

Sarkozy, que se comprometeu a continuar sua agenda de reformas econômicas fosse qual fosse o resultado das eleições, disse que envolver-se nas campanhas municipais não faz parte de seu papel de presidente, mas acrescentou:

"Assim que tivermos os resultados definitivos, todos os líderes políticos, eu em primeiro lugar, terão de tirar as lições que essas eleições trouxeram", disse ele a repórteres.

"O povo terá falado. Naturalmente vou levar em conta o que eles têm a dizer".

(Reportagem de Elizabeth Pineau e James Mackenzie)

 
<p>O presidente franc&ecirc;s Nicolas Sarkozy (dir) discursa durante cerim&ocirc;nia em Toulon. Sarkozy disse na ter&ccedil;a-feira que tiraria conclus&otilde;es dos resultados das elei&ccedil;&otilde;es locais de domingo que, espera-se, trar&atilde;o perdas para o UMP, partido de centro-direita do presidente. Photo by Philippe Wojazer</p>