Pilgrim's Pride fecha complexo de processamento de aves nos EUA

quarta-feira, 12 de março de 2008 14:01 BRT
 

CHICAGO, 12 de março (Reuters) - A Pilgrim's Pride Corp PPC.N anunciou na quarta-feira que fechará um complexo de processamento de frangos e quase metade de seus centros de distribuição nos Estados Unidos, devido aos altos preços das rações e a uma alta oferta de frangos.

A decisão provocou uma alta nas ações da Pilgrim's Pride e de outras empresas de frangos, com base na teoria de que uma produção menor vai ajudar a indústria no longo prazo, disse um economista.

"Não estou surpreso, dado o preço atipicamente alto do grão, o que está restringindo a capacidade de vender frango internamente", disse Paul Aho, economista da empresa de consultoria Poultry Perspective, sobre os cortes de produção.

A Pilgrim's Pride, maior produtora de frangos dos EUA, terá encargos de cerca de 35 milhões de dólares, ou 33 centavos por ação após impostos, com os fechamentos, que vão eliminar cerca de 1.100 empregos, ou 2 por cento de sua força de trabalho.

A empresa também está avaliando possíveis mudanças em outras instalações de produção, incluindo fechamentos, disse a Pilgrim's Pride.

Processadores de frangos têm sofrido com os altos custos das rações, já que o milho está cada vez mais sendo usado para a produção de álcool nos EUA.

Com base nos atuais preços das commodities, custaria ao menos 1,3 bilhão de dólares a mais para alimentar os animais da Pilgrim's Pride no ano fiscal 2008, em relação a dois anos atrás, disse em comunicado Clint Rivers, presidente e executivo-chefe.

A empresa planeja fechar seu complexo de processamento de frangos em Siler City, na Carolina do Norte, além de seis de seus 13 centros de distribuição, explicou ela.

(Por Bob Burgdorfer, com reportagem adicional de Brad Dorfman)