BOLSA EUROPA-Mercados sobem por petróleo, setor financeiro pesa

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008 08:45 BRST
 

FRANKFURT, 12 de fevereiro (Reuters) - A maior parte das bolsas européias operava em alta nesta terça-feira incentivadas por ações de petrolíferas, mas contidas pelo fraco desempenho do setor financeiro depois do resultado do Credit Suisse CSGN.VX e rumores de mercado sobre grandes baixas contábeis no grupo holandês ING ING.AS.

Às 8h32 (horário de Brasília), o índice FTSEurofirst 300 .FTEU3, que reúne as principais ações européias, exibia valorização de 0,64 por cento, aos 6.785 pontos.

Preços em alta de commodities incentivavam ações de mineradoras, com a Rio Tinto (RIO.L: Cotações), BHP Billiton (BLT.L: Cotações) e Anglo American (AAL.L: Cotações) avançando de 1 a 1,8 por cento. As petrolíferas BP (BP.L: Cotações), Total (TOTF.PA: Cotações) e Royal Dutch Shell (RDSa.L: Cotações) também exibiam ganhos.

Mas as ações da mineradora Xstrata XTA.L recuavam 1,84 por cento depois que o Financial Times publicou que o grupo rejeitou oferta de compra, em dinheiro e ações, da Vale (VALE5.SA: Cotações) avaliada em 39 bilhões de libras (76 bilhões de dólares).

As ações do ING exibiam queda de 1,74 por cento depois de chegarem a recuar 5,3 por cento mais cedo. Rumores de mercado apontam grande baixa contábil relacionada ao setor imobiliário dos Estados Unidos. O ING não comentou os rumores, mas uma porta-voz da instituição disse que o grupo "está perfeitamente ciente de sua obrigação de relatar qualquer informação relevante".

Enquanto isso, os papéis do Credit Suisse perdiam 1,78 por cento depois que o banco suíço informou cortou suas baixas contábeis anuais relacionadas à crise de crédito imobiliário para 2 bilhões de franco suíços (1,82 bilhão de dólares). Apesar disso, o banco sofreu queda de 49 por cento no lucro líquido do quarto trimestre, ligeiramente abaixo da expectativa de analistas.

Confira o desempenho das principais bolsas européias às 8h39:

BOLSA PONTUAÇÃO VARIAÇÃO %   Continuação...