McCain já deu início a processo de escolha de vice

quarta-feira, 12 de março de 2008 14:42 BRT
 

Por Steve Holland

MANCHESTER (Reuters) - O candidato presidencial republicano à Presidência dos Estados Unidos, John McCain, disse nesta quarta-feira que já começou o processo de busca do vice para disputar a eleição em sua chapa e espera alguém que compartilhe suas opiniões e possa substituí-lo.

Falando a jornalistas no avião que usa na campanha eleitoral, o republicano --cuja nomeação é dada como certa na convenção do partido-- disse ter visto reportagens dizendo que um dos rivais que derrotou nas prévias, o ex-governador de Massachusetts Mitt Romney, manifestou interesse no cargo.

Mas McCain não fez comentários sobre se Romney poderia ser um candidato ao posto de vice em sua chapa na eleição de novembro.

"Tive essa impressão vendo a entrevista (de Romney) na noite passada", disse McCain, referindo-se a uma declaração de Romney à TV Fox News.

Romney disse na terça-feira que "qualquer líder republicano neste país ficaria honrado se fosse convidado para servir como candidato a vice-presidente, incluindo eu".

Em fevereiro, Romney expressou apoio a McCain, depois de ser derrotado por ele nas batalhas da campanha para ser o indicado pelo Partido Republicano, a qual teve com frequência momentos duros.

McCain disse que está apenas começando a formar uma equipe de busca para vetar potenciais candidatos e checar a história deles. Ele disse brincando que tem "pelo menos 100 voluntários para liderar a busca" pelo número 2 da chapa republicana.

Não há preivsão de uma decisão para breve. Os candidatos à Presidência costumam esperar até um pouco antes da convenção do partido, que oficializará sua candidatura, para anunciar o vice. A convençao dos republicanos será em setembro.

McCain disse que o critério principal é encontrar alguém "que possa tomar seu lugar, compartilhar seus princípios, seus valores, sua visão e suas prioridades".

(Reportagem de Steve Holland)