ANTT assina atos para concessão de 6 lotes de rodovias federais

terça-feira, 12 de fevereiro de 2008 15:19 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) assinou, nesta terça-feira, os atos para a concessão de seis dos sete lotes de rodovias federais leiloados em outubro vencidos pelas empresas OHL e BRVias, informou a autarquia em nota.

O lote 3, referente à rodovia BR-393, na divisa do Rio de Janeiro e Minas Gerais, vencido pela espanhola Acciona, terá a emissão do ato de outorga em data posterior, ainda não definida, pois a empresa participou do leilão garantida por uma liminar e teve o resultado homologado depois das demais.

Após intensa batalha judicial, a espera, agora, é pela assinatura dos contratos com as empresas para que os serviços sejam iniciados. A expectativa é que isso ocorra na quarta-feira, segundo a assessoria de imprensa da ANTT.

OHL Brasil, braço da espanhola OHL, venceu todos os cinco lotes que disputou no leilão realizado na Bolsa de Valores de São Paulo em 9 de outubro, após oferecer grandes deságios.

O consórcio BRVias, constituído pelas empresas Splice do Brasil, WTorre e Comporte, conquistou um lote.

Alguns dos concorrentes questionaram na Justiça o resultado do leilão. Na esfera administrativa, a Comissão de Outorga da ANTT recebeu 19 pedidos de recursos, todos julgados improcedentes.

A ANTT licitou 2.600 quilômetros de rodovias federais, para as quais espera investimentos de quase 20 bilhões de reais nos 25 anos de duração das concessões. As licitações foram vencidas pelas empresas que ofereceram o menor preço de pedágio.

(Por Sérgio Spagnuolo)