PANORAMA2-BC indica que aperto monetário vai continuar

quinta-feira, 12 de junho de 2008 19:04 BRT
 

Por Silvio Cascione

SÃO PAULO, 12 de junho (Reuters) - O Banco Central afirmou nesta quinta-feira que a alta da Selic deve continuar "enquanto for necessário" para conter a pressão inflacionária, fazendo com que alguns investidores abandonassem a idéia de que o aperto seria curto.

A ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), porém, não sinalizou um ritmo mais forte de elevação do juro --o que permitiu que as projeções devolvessem parte da alta dos últimos dias na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F).

Parte do mercado também teve a oportunidade de participar de um encontro com o presidente do BC, Henrique Meirelles, e saiu de lá com a impressão de que o próximo aumento será de 0,50 ponto percentual.

Segundo uma fonte que participou da reunião periódica, os grandes bancos mostraram que "está havendo uma desaceleração do crédito, inequívoca, e isso vai aparecer no segundo semestre".

No mercado de câmbio, a estréia das ações da OGX na sexta-feira foi citada como uma das responsáveis pela entrada de recursos que contribuiu para a queda do dólar.

A Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) encerrou a série negativa de quatro pregões. O ânimo foi favorecido pela alta das bolsas em Nova York após dados mais fortes do que o esperado sobre o varejo nos Estados Unidos.

As vendas aumentaram duas vezes mais que o previsto em maio com o efeito da restituição federal, que começou a chegar aos consumidores após o pacote de estímulo econômico do governo.

  Continuação...