Bancos ofuscam petróleo e mercado europeu fica estável

segunda-feira, 12 de novembro de 2007 16:07 BRST
 

LONDRES (Reuters) - As bolsa européias fecharam estáveis nesta segunda-feira à medida que a alta nas ações financeiras britânicas compensou a fraqueza nos setores petrolífero e minerador devido à queda nos preços das commodities.

As ações do setor financeiro foram as que mais se valorizaram na Europa, à medida que a alta de recuperação do Barclays, após o banco rejeitar na sexta-feira as especulações de grandes baixas contábeis, ajudou a alavancar as ações de rivais.

Os papéis do Barclays, Royal Bank of Scotland e UBS subiram entre 4 e 9 por cento.

"Dado o tanto que caímos, acho ser compreensível que os investidores no curto prazo estejam nervosos", disse Henk Potts, do Barclays Wealth.

Segundo dados preliminares, o índice FTSEurofirst 300, que reúne as principais ações das empresas européias, teve variação positiva de 0,05 por cento, para 1.512 pontos, após fechar em queda nas últimas três sessões.

"Eu realmente acredito que, após as últimas semanas, existe espaço para uma recuperação técnica no mercado apenas porque o humor parece ter ficado pior do que o mundo real", disse Andrew Bell, estrategista europeu no Rensburg Sheppards Investiment Management.

"Mas se isso vai virar uma recuperação vai depender se os bancos e outros participantes puderem iluminar 'os cantos cheios de teias de aranhas' de seus dados de balanços", acrescentou.

A queda do preço do petróleo derrubou as ações de empresas do setor, como BH e Total .

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 0,52 por cento, a 6.337 pontos.   Continuação...