Alemã Lanxess comprará 70% da Petroflex, diz fonte

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007 11:52 BRST
 

FRANKFURT, 13 de dezembro (Reuters) - A alemã Lanxess (LXSG.DE: Cotações) vai fechar a compra de 70 por cento do grupo brasileiro fabricante de borrachas sintéticas Petroflex PEFX5.SA, afirmou uma fonte próxima do assunto nesta quinta-feira.

A Lanxess não comentou o assunto. A Petroflex é a maior produtora de borracha sintética da América Latina e é controlada pela Braskem (BRKM5.SA: Cotações) e pela Unipar. A empresa tem valor de mercado de cerca de 466 milhões de dólares.

Enquanto isso, a Lanxess, com valor de mercado de cerca de 2,7 bilhões de euros (4 bilhões de dólares), tem afirmado que quer crescer via aquisições.

A empresa melhorou sua lucratividade e fortaleceu suas finanças depois de intensa reestruturação. A companhia se separou da Bayer BAYG.DE em 2005.

Borracha sintética é usada na fabricação de pneus de carros e caminhões.

(Por Frank Siebelt)