São Martinho perde R$32 mi no trimestre com baixa nos preços

terça-feira, 13 de novembro de 2007 11:14 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O grupo São Martinho, um dos maiores em açúcar e álcool, registrou prejuízo líquido de 31,9 milhões de reais no trimestre encerrado em setembro, ante lucro de 30,7 milhões de reais um ano antes.

O resultado foi afetado principalmente pelos baixos preços do açúcar e do álcool, disse a companhia num comunicado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

A receita líquida da São Martinho teve queda de 31 por cento no segundo trimestre do ano-safra 2007/08 (abril-março), em relação a igual período do ano anterior, totalizando 179,1 milhões de reais.

"O cenário internacional, que apontou para a queda nos preços médios de venda de açúcar e álcool, afetou o desempenho de todo o setor sucroalcooleiro brasileiro... Também contribuiu (para a queda da receita) a desvalorização do dólar em relação ao real", disse a empresa num comunicado nesta terça-feira.

O EBITDA ajustado, sigla para lucro antes dos juros, impostos, amortização e depreciação, ficou em 22,7 milhões de reais, com queda de 74 por cento em comparação a igual período do ano passado.

A usina São Martinho, segunda maior unidade de produção de açúcar e álcool do Brasil, concluiu a moagem da safra 2007/08 em 22 de outubro com praticamente o mesmo volume de cana processado na safra anterior --6,7 milhões de toneladas.

A empresa informou que o volume de vendas de álcool no primeiro semestre representou cerca de 46 por cento do total disponível na safra, ficando o restante para ser vendido no segundo semestre. Normalmente, os preços estão mais altos nesta época, devido à entressafra no centro-sul do país.

(Por Inaê Riveras)