Telefónica confirma metas de 2008 e 2010

segunda-feira, 13 de outubro de 2008 07:37 BRT
 

MADRI, 13 de outubro (Reuters) - A gigante espanhola das telecomunicações, Telefónica (TEF.MC: Cotações), confirmou nesta segunda-feira suas metas financeiras para 2008 e 2010, afirmando que possui "força e flexibilidade financeiras".

Em comunicado ao regulador do mercado acionário, a Telefónica, que no Brasil divide o controle da Vivo VIVO4.SA com a Portugal Telecom PTC.LS, informou que está dentro da meta de obter lucro líquido por ação em 2010 de 2,304 euros e fluxo de caixa por ação de 2,87 euros.

O cenário otimista da Telefónica foi divulgado em meio à crise global de crédito, em que companhias ao redor do mundo estão enfrentando dificuldades para refinanciar dívidas.

"A companhia tem flexibilidade em seu calendário de vencimentos, o tempo médio é de seis anos", informou a Telefónica.

"Os vencimentos de dívidas são de aproximadamente 3,8 bilhões de euros em 2009 e 5,6 bilhões de euros em 2010."

A empresa tinha um total de 9,5 bilhões de euros (13,04 bilhões de dólares) em linhas de crédito no final de junho, dos quais 6 bilhões de euros com vencimento em mais de um ano. A companhia afirmou que continua emitindo commercial paper.

A Telefónica informou ainda que aumentou seu programa de recompra de ações em 50 por cento este ano e que vai começar a recompra imediatamente.

(Por Sarah Morris)