Paes apresenta apoio de Lula e Gabeira evita nacionalização

segunda-feira, 13 de outubro de 2008 14:46 BRT
 

RIO DE JANEIRO, 13 de outubro (Reuters) - O candidato Eduardo Paes (PMDB) abriu sua campanha de TV à prefeitura do Rio de Janeiro nesta segunda-feira apresentando a imagem e o apoio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Negociada pelo governador do Estado, Sérgio Cabral, a participação de Lula foi gravada na última sexta-feira, em um hotel, em São Paulo, onde o presidente participou de um evento com empresários.

De terno e gravata, os três aparecem juntos em uma sala, como numa reunião de trabalho. Sobre a imagem, a locução afirma que Paes, Cabral e Lula firmaram o compromisso de trabalhar juntos e fazer mais pelo Rio.

"O Rio é prioridade. As pessoas vão ter o prefeito Eduardo Paes, o governador Sérgio Cabral e o presidente Lula trabalhando juntos pelo interesse da população", afirma o candidato.

"Se você tem um presidente da República e um governador que estão estabelecendo uma harmonia extraordinária nas suas relações políticas e nas suas relações administrativas, é importante que a gente tenha um prefeito afinado com essa políticas", comenta Lula.

"Essa parceria é fundamental, presidente", responde Paes, que focou o seu discurso na união entre as três esferas políticas.

Logo após esse diálogo, o programa enfatiza que uma parceria forte por recursos para levar o PAC a mais comunidades.

"Sérgio Cabral e Eduardo Paes, estejam certos que da minha parte iremos trabalhar harmonicamente e fazendo verdadeiras parcerias, porque o povo da cidade do Rio de Janeiro merece o que todos nós pudermos dar de melhor", completa Lula.

Eduardo Paes precisou escrever uma carta de desculpas para ter a chance de exibir a imagem do presidente. No PSDB à época do escândalo do mensalão, o candidato foi um dos principais críticos de Lula e seu governo.   Continuação...