Governo dá mais um passo no plano de incorporação do BEP pelo BB

terça-feira, 13 de novembro de 2007 20:18 BRST
 

SÃO PAULO, 13 de novembro (Reuters) - O governo deu mais um passo nesta terça-feira no sentido de fazer com que o Banco do Brasil BBAS3.SA incorpore o Banco do Estado do Piauí (BEP), ao alterar o objetivo inicial da federalização da instituição.

O banco não será mais privatizado, conforme previa o contrato original de federalização de 1999.

O Banco do Brasil também está em processo de incorporação do Banco do Estado de Santa Catarina (Besc) e já disse que tem intenção de comprar o Banco de Brasília (BRB).

As medidas fazem parte da estratégia do banco para ganhar espaço no mercado e têm desagradado rivais, que em alguns casos já tinham fechado acordo para gerenciair a folha de pagamentos dessas instituições. Em outubro, o presidente do Bradesco, Márcio Cypriano, chegou a questionar a legalidade desse tipo de operação.

A folha de pagamento de Santa Catarina foi leiloada no ano passado por 210 milhões de reais. O Bradesco venceu o leilão, mas o pagamento não foi feito por decisão do Supremo Tribunal Federal após questionamento da União, que entendia que a folha deveria permanecer com o Besc.

(Reportagem de Juliana Siqueira; Edição de Eduardo Simões)