14 de Novembro de 2007 / às 13:48 / em 10 anos

Vendas do varejo nos EUA crescem 0,2% em outubro

Por Emily Kaiser

WASHINGTON (Reuters) - As vendas do varejo nos Estados Unidos subiram 0,2 por cento em outubro, em linha com a expectativa de economistas, depois que a crise imobiliária e a alta do petróleo reduziram os gastos dos consumidores, mostraram dados do governo nesta quarta-feira.

A alta do mês passado foi muito menor do que o resultado de setembro, quando as vendas avançaram 0,7 por cento --de acordo com dados revisados para cima pelo Departamento de Comércio.

As lojas de móveis tiveram queda de 0,9 por cento nas vendas do mês passado, afetadas pela desaceleração imobiliária. Os postos de gasolina, porém, tiveram aumento de 0,8 por cento.

Excluindo automóveis, as vendas em outubro subiram 0,2 por cento, pouco abaixo da previsão de 0,3 por cento feita por economistas.

Analistas ouvidos pela Reuters esperavam que o crescimento das vendas desacelerasse com a piora da confiança do consumidor em meio à crise imobiliária, à alta do petróleo e ao aperto do crédito. Na semana passada, grandes varejistas divulgaram vendas decepcionantes em outubro por causa das preocupações com a economia e do tempo atipicamente quente --que afetou a demanda por roupas de outono.

O relatório do Departamento do Comércio mostrou tendência semelhante, com queda de 0,5 por cento das vendas em lojas de departamento e alta modesta de 0,1 por cento nas vendas de lojas de roupas e acessórios.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below