Ceará Steel troca gás por carvão para viabilizar projeto

quarta-feira, 14 de novembro de 2007 15:18 BRST
 

RIO DE JANEIRO, 14 de novembro (Reuters) - Os sócios da Ceará Steel decidiram mudar a rota tecnológica da usina siderúrgica de gás natural para carvão, contornando assim um problema que atrasou a entrada em operação do projeto em um ano.

Agora a siderúrgica deve entrar em funcionamento em 2010.

A informação é de um assessor do governo do Estado do Ceará, que disse ainda que o presidente da coreana Dongkuk Steel, sócia do projeto com a Companhia Vale do Rio Doce (VALE5.SA: Cotações) e a italizana Danielli, visitará o Brasil no final deste mês ou começo de dezembro para fechar o negócio.

A mudança de combustível foi necessária após um impasse desde meados deste ano por conta de um contrato que teria sido assinado em 1996 entre a Petrobras (PETR4.SA: Cotações) e o governo do Ceará, quando o preço do insumo era mais baixo do que o praticado no mercado atualmente.

A planta ficará localizada perto do porto de Pecém.

(Reportagem de Denise Luna; Edição de Roberto Samora)