Obama diz que EUA precisam pressionar China sobre moeda

segunda-feira, 14 de abril de 2008 11:34 BRT
 

PITTSBURGH (Reuters) - O pré-candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, Barack Obama, prometeu nesta segunda-feira que vai endurecer com a China sobre a desvalorização do iuan, dizendo que vai ameaçar com a limitação do acesso ao mercado norte-americano como forma de barganha com os chineses.

"O que precisamos fazer é somente ser melhores negociadores e dizer 'Veja, esse é o ponto: vocês continuam manipulando sua moeda, e nós vamos começar a fechar o acesso a alguns de nossos mercados"', disse a uma grande platéia de sindicalistas do setor siderúrgico na cidade industrial de Pittsburgh.

(Reportagem de Caren Bohan e Paul Eckert)