Governo dos EUA toma passos ousados para ajudar Fannie e Freddie

segunda-feira, 14 de julho de 2008 08:21 BRT
 

Por Glenn Somerville e Alister Bull

WASHINGTON (Reuters) - O governo dos Estados Unidos ofereceu no domingo uma ajuda expressiva à Fannie Mae e à Freddie Mac para aumentar a confiança nas gigantes da área de financiamento hipotecário e eliminar um potencial colapso do mercado financeiro.

O dólar e os futuros de ações avançaram com a forte mensagem de suporte dada pelo Tesouro dos EUA e pelo Federal Reserve, que também atraiu críticas por ser considerada um potencial plano de salvamento que pode custar caro aos contribuintes norte-americanos.

Para tentar acalmar os mercados que estão sofrendo com a prolongada crise do setor imobiliário, o Fed informou que a Fannie e a Freddie poderão ter acesso a dinheiro emergencial, medida semelhante à tomada para ajudar bancos de investimentos depois que o banco central norte-americano orquestrou uma operação de aquisição do banco Bear Stearns em março.

O Tesouro, por sua vez, informou que irá aumentar temporariamente sua linha de crédito para as duas empresas hipotecárias, assim como poderá adquirir ações das duas companhias --medida jamais adotada antes-- se for necessário.

As empresas, que têm acionistas mas são patrocinadas pelo governo, afirmaram estar capitalizadas de maneira adequada, mas ficaram satisfeitas com as medidas e disseram que elas irão ajudar a melhorar a confiança em suas operações.