Siderúrgicas investem para se expandir e exportar minério

sexta-feira, 14 de março de 2008 16:51 BRT
 

Por Denise Luna

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A alta do preço do aço está fazendo siderúrgicas brasileiras tirarem da gaveta planos de expansão após anos de estagnação, ao mesmo tempo em que a alta dos insumos vem mudando o perfil das empresas, agora focadas também na exploração do minério de ferro para consumo próprio e exportação.

Presentes no 14o Congresso Mundial de Aço, no Rio de Janeiro, representantes da Usiminas, ArcelorMittal Tubarão e Companhia Siderúrgica Nacional anunciaram disposição para acompanhar o crescimento do mercado e reduzir a dependência das mineradoras.

Segundo o presidente do Grupo Usiminas, Rinaldo Soares, a expansão da produção do grupo de 9 para 15 milhões de toneladas de aço a partir de 2013 está garantida e, na próxima segunda-feira, a empresa assina com a Mitsubishi a compra de um laminador de tiras a quente no valor de 1 bilhão de dólares para a Cosipa, uma das usina do grupo.

O equipamento terá capacidade para laminar 2,3 milhões de toneladas numa fase inicial, dentro de 32 meses, e que irá subir para 4 milhões de toneladas numa segunda fase, ainda não definida. A compra faz parte de uma série de incrementos que Usiminas e Cosipa terão ao longo dos próximos anos.

"Estamos mostrando ao mercado que nosso plano de crescimento está sendo feito", disse Soares a jornalistas após palestra no Congresso.

Com a compra da mineradora J.Mendes no mês passado, a Usiminas entrou também no mercado de minério de ferro e pretende se tornar exportadora este ano, atingindo até 2 milhões de toneladas de minério exportadas em 2009. A partir de 2013, o volume deve crescer para até 7 milhões de toneladas.

"Nossa planta de Ipatinga sempre será atendida pela Vale, que está bem do lado, por isso vai sobrar minério para exportar", disse o executivo.

Para fabricar uma tonelada de aço são necessárias 1,5 tonelada de minério, explicou Soares, calculando que quando o grupo atingir a produção de 15 milhões de toneladas de aço vai precisar de cerca de 21 milhões de toneladas de minério. Nessa época a mina estará produzindo 29 milhões de toneladas de minério.   Continuação...