14 de Janeiro de 2008 / às 20:59 / 10 anos atrás

Petróleo sobe com fragilidade do dólar e tensões geopolíticas

NOVA YORK (Reuters) - O petróleo fechou em alta nos Estados Unidos nesta segunda-feira, influenciado pela fragilidade do dólar, pela alta das commodities, pelas tensões no Oriente Médio e na Nigéria.

Na Nymex, o contrato fevereiro avançou 1,51 dólar, para 94,20 dólares por barril, com mínima de 92,41 dólares e máxima de 94,43 dólares por barril.

"Estamos subindo com as preocupações geopolíticas, o dólar mais fraco e a baixa excessiva de sexta-feira", disse Mike Fitzpatrick, vice-presidente da MF Global.

Em 3 de janeiro, o petróleo atingiu o recorde de 100,09 dólares na Nymex, mas na sexta-feira ele encerrou a semana com baixa de 5,01 dólares por barril.

Em Londres, o contrato fevereiro do Brent subiu 1,85 dólar e encerrou a 92,92 dólares por barril, com mínima de 91,01 dólares e máxima de 93,03 dólares por barril.

Nesta segunda-feira, o dólar bateu um recorde de baixa ante o franco suíço e registrou mínima em sete semanas contra o euro e o iene com a idéia de que fracos lucros corporativos nos Estados Unidos possam provocar novos cortes dos juros.

Reportagem de Gene Ramos e Robert Gibbons

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below