Jorge Viana, cotado para Meio Ambiente, encontra Lula

quarta-feira, 14 de maio de 2008 09:49 BRT
 

Por Carmen Munari

SÃO PAULO (Reuters) - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva conversa na manhã desta quarta-feira com o ex-governador do Acre Jorge Viana (PT), cotado para assumir o Ministério do Meio Ambiente no lugar de Marina Silva, que pediu demissão na terça-feira. A informação é de fonte do Palácio do Planalto.

Ao mesmo tempo, o Planalto afirma que o presidente Lula não convidou o secretário de Ambiente do Rio de Janeiro, Carlos Minc (PT), para assumir o ministério, como foi divulgado pelo governo do Rio após a saída de Marina.

Há confirmação, no entanto, de que Minc está no páreo junto com Viana para a vaga do Meio Ambiente.

Em Paris, Minc afirmou nesta quarta-feira que não trocaria a secretaria estadual pelo ministério.

"Não conversei com o Lula, não conversei com a Marina, e com o Sérgio Cabral eu disse pra ele que a Marina tinha pedido a carta,e a única coisa que ele me falou é o seguinte: 'o Lula vai me ligar e você me promete de pés juntos que você não vai para Brasília"', afirmou o secretário em entrevista à emissora Globonews.

"E eu prometi de pés juntos para ele que eu não vou para Brasília. Essa é a posição", acrescentou.

O interlocutor da Presidência afirma que tratou-se de uma sondagem o telefonema de Lula para o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB), solicitando que dispensasse o secretário para assumir o ministério.

Viana, que governou o Acre por dois mandatos entre 1999 e 2006, é atualmente presidente do conselho de administração da fabricante de helicópteros Helibrás.

Marina, no cargo desde 2003, alegou ao sair dificuldades para conduzir a agenda ambiental do governo.