BOVESPA-Inflação menor nos EUA leva índice à terceira alta

quarta-feira, 14 de maio de 2008 11:08 BRT
 

SÃO PAULO, 14 de maio (Reuters) - A Bolsa de Valores de São Paulo valia-se do bom desempenho de Wall Street para emendar a terceira sessão consecutiva de ganhos nesta quarta-feira, rumando para mais um recorde de pontuação.

Às 11h08, o Ibovespa .BVSP apontava alta de 0,48 por cento, aos 70.840 pontos. O giro financeiro era de 1,03 bilhão de reais.

Na Bolsa de Nova York, o índice Dow Jones .DJI subia 0,77 por cento, mostrando a reação positiva dos investidores à informação de que os preços ao consumidor nos Estados Unidos subiram de 0,2 por cento em abril, abaixo da previsão de 0,3 por cento feita por economistas.

"O número veio bom lá fora e isso reflete em mais entrada de recursos estrangeiros aqui na Bovespa", disse Américo Reisner, operador da Fator corretora. A bolsa paulista informou nesta quarta-feira que o ingresso líquido de recursos externos no mercado acionário brasileiro foi de 2,15 bilhões de reais nos primeiros nove dias de maio.

O otimismo dos investidores era reforçado por notícias corporativas animadoras. O grupo Pão de Açúcar anunciou pela manhã esperar para este ano um aumento da margem de lucro em relação a 2007. As ações preferenciais da grupo PCAR4.SA eram as líderes de ganhos do Ibovespa, subindo 2,42 por cento, a 41,42 reais.

Outro destaque positivo eram as ações ordinárias do Banco do Brasil (BBAS3.SA: Cotações), com avanço de 2,43 por cento, valendo 29,10 reais. A instituição informou nesta manhã ter fechado o primeiro trimestre com lucro de 2,347 bilhões, um aumento de 66,6 por cento em relação ao mesmo período do ano passado.

(Reportagem de Aluísio Alves; Edição de Cláudia Pires)