Pão de Açúcar estuda separar ativos da área imobiliária

quarta-feira, 14 de maio de 2008 16:02 BRT
 

Por Taís Fuoco

SÃO PAULO (Reuters) - O conselho de administração do grupo Pão de Açúcar analisa a separação dos ativos da área imobiliária em uma subsidiária sob seu controle.

A informação foi divulgada nesta quarta-feira, durante o encontro da companhia com investidores. Segundo Cláudio Galeazzi, presidente do Pão de Açúcar, "o conselho está convergindo rapidamente para um dropdown de ativos", referindo-se à expressão em inglês para a criação de uma subsidiária.

Abílio Diniz, presidente do conselho, explicou que "toda empresa que tem grande quantidade de ativos tem de olhar para isso". Ele salientou, entretanto, que "nada está decidido" e que não há prazo para a conclusão dos estudos.

O executivo explicou que o grupo analisa "tratar os ativos imobiliários com outro foco", de forma a maximizar os investimentos feitos. "É estudar o que pode ser feito além da loja para rentabilizar aquele ativo", afirmou, citando, por exemplo, a criação de uma galeria de lojas ao redor do supermercado, por exemplo.

Não será um spin-off ou a venda dos ativos, de acordo com a companhia, mas de criar uma subsidiária distinta daquela que é o negócio principal do grupo.

Boa parte do volume que o grupo investirá este ano será na compra de terrenos. A companhia já tem algo como 20 terrenos adquiridos e vai aplicar 250 milhões do total de 733 milhões de reais do orçamento na compra de outros terrenos estratégicos, com vistas ao crescimento que espera para 2009.

As ações do Pão de Açúcar subiam 2,2 por cento nesta tarde, estando entre os seis papéis mais valorizados do Ibovespa, que exibia valorização de 0,09 por cento.