Bolsas da Ásia se recuperam na esteira de Wall Street

quarta-feira, 14 de novembro de 2007 08:07 BRST
 

Por Jacqueline Wong

CINGAPURA (Reuters) - As bolsas de valores da Ásia encerraram a quarta-feira em alta, depois que investidores aproveitaram a recente queda acentuada das ações de instituições financeiras para comprar papéis do setor. Enquanto isso, um iene mais fraco impulsionou ações de companhias exportadoras como a Canon.

A bolsa de TÓQUIO se recuperou do menor nível em 15 meses atingido na véspera, subindo 2,5 por cento nesta quarta-feira.

O preço do petróleo nos Estados Unidos se mantém acima dos 91 dólares o barril depois de perder mais de 5 dólares nas últimas duas sessões. O ouro rondou o nível de 800 dólares a onça, fora do nível de 845,40 dólares a onça, maior em 28 anos, definido em 7 de novembro.

"A menos que os problemas no mercado de crédito de risco dos EUA piorem, os mercados de ações têm uma boa chance de manterem a tendência de alta", disse Kim Joong-hyun, analista da Goodmorning Shinhan Securities, na Coréia do Sul.

"Mas no curto prazo, mudanças acentuadas ainda são muito prováveis de acontecer dependendo da situação de crédito."

Resultado trimestral surpreendentemente forte da maior rede de varejo do mundo, Wal-Mart, divulgado na véspera, e uma garantia do presidente-executivo do Goldman Sachs de que o banco de investimento não enfrenta risco de grandes perdas com crédito ajudaram a motivar o apetite por ações.

O índice MSCI que reúne os principais mercados da região Ásia-Pacífico menos o Japão avançava 3,4 por cento às 7h54 (horário de Brasília), ampliando valorização de 0,7 por cento da véspera. O indicador está seis por cento longe do recorde alcançado em novembro, mas acumula valorização de 38 por cento no ano.

Na Coréia do Sul, a bolsa de SEUL subiu 2,05 por cento. HONG KONG disparou 4,9 por cento, XANGAI subiu 5 por cento e TAIWAN teve valorização de 2,47 por cento.

CINGAPURA avançou 1,42 por cento e SYDNEY teve alta de 1,3 por cento.

 
<p>As bolsas de valores da &Aacute;sia encerraram a quarta-feira em alta, depois que investidores aproveitaram a recente queda acentuada das a&ccedil;&otilde;es de institui&ccedil;&otilde;es financeiras para comprar pap&eacute;is do setor. Enquanto isso, um iene mais fraco impulsionou a&ccedil;&otilde;es de companhias exportadoras como a Canon. Photo by Toru Hanai</p>