Força aérea iraniana faz exercícios de guerra, dizem agências

segunda-feira, 15 de setembro de 2008 08:48 BRT
 

TEERÃ (Reuters) - A Força Aérea e as unidades de defesa do Irã deram início a exercícios de guerra na segunda-feira, com o objetivo de testar equipamentos e aumentar a preparação militar, segundo informaram agências de notícias.

As manobras acontecem no momento em que há intensa especulação sobre um possível ataque norte-americano ou isralense às instalações nucleares iranianas. O Ocidente suspeita de que elas sejam utilizadas para produzir bombas, mas Teerã nega a acusação.

As agências de notícias iranianas Fars e Isna disseram que o exercício da Força Aérea acontece em metade das 30 províncias da República Islâmica, mas não foram dados mais detalhes sobre o teste nem quanto tempo ele durará.

O comandante da defesa aérea iraniana, o brigadeiro-general Ahmed Mighani, disse que o objetivo é praticar táticas, utilizar equipamentos modernos e aumentar o preparo militar, segundo a Fars.

A mídia do Irã informou neste mês que três dias de exercícios deveriam ter começado no dia 8 de setembro e envolveriam também sistemas de defesa anti-aviões, mas não ficou claro se eram os mesmos a serem utilizados na segunda-feira.

Washington diz querer uma solução diplomática para a questão nuclear iraniana, mas não descarta uma intervenção militar caso a diplomacia não consiga atender aos seus interesses. Teerã diz que seu programa nuclear é uma tentativa pacífica de gerar eletricidade e se recusa a suspender as atividades.

A especulação sobre um possível ataque às instalações nucleares iranianas aumentou desde que a Força Aérea israelense fez exercícios em junho --segundo relatos, era uma simulação de ataque ao Irã.

O Irã diz que responderá a ações deste tipo, atacando interesses dos Estados Unidos e de Israel.

(Por Hossein Jaseb)