PANORAMA2-Mercados vêem recessão como inevitável e derretem

quarta-feira, 15 de outubro de 2008 18:00 BRT
 

SÃO PAULO, 15 de outubro (Reuters) - Os mercados financeiros voltaram a derreter nesta quarta-feira.

O mau humor teve início com um dado fraco sobre o varejo dos Estados Unidos e se agravou com o comentário do chairman do Federal Reserve, Ben Bernanke, de que a economia enfrenta uma ameaça significativa.

O principal índice da Bovespa chegou a acionar o circuit breaker ao despencar 10 por cento. No final da tarde, a queda beirou 15 por cento e no fechamento foi contabilizada a pior baixa percentual diária em uma década.

Os índice Dow Jones e Standard & Poor's 500 tiveram o tombo diário mais forte desde 1987.

As vendas no varejo dos Estados Unidos caíram 1,2 por cento em setembro, a maior baixa em mais de três anos.

"As ações articuladas por Europa, EUA e Ásia trouxeram uma melhoria no cenário... mas, passado o impacto favorável das relevantes medidas que vêm sendo implementadas, resta um cenário das economias mundiais evidenciando inevitável recessão", comentou em relatório Sidnei Nehme, diretor-executivo da NGO Corretora.

Veja como encerraram os principais mercados nesta quarta-feira:

CÂMBIO BRBY   Continuação...