United negocia aliança com a Continental, dizem fontes

quinta-feira, 15 de maio de 2008 21:43 BRT
 

Por Jui Chakravorty Das

NOVA YORK (Reuters) - A United Airlines iniciou conversas com a Continental Airlines Inc sobre uma possível aliança, mesmo com negociações sobre fusão com a US Airways ainda em curso, disseram fontes informadas no assunto.

A United, uma unidade da UAL Corp, decidirá em breve se irá se fundir com a US Airways, disseram duas fontes, acrescentando que um acordo com o US Airways Group Inc é provável, mas não iminente. As fontes não quiseram ser identificadas devido à natureza confidencial das conversas.

Embora o conselho de diretores da United tivesse uma reunião nesta quinta-feira, nenhuma decisão é esperada, disseram as fontes.

A Continental Airlines, que cancelou as conversas de fusão com a United no final de abril, também está em estágio avançado de negociações para uma aliança com a American Airlines AMR Corp e com a British Airways Plc, disseram fontes à Reuters anteriormente.

A onda de negociações veio depois que a Delta Air Lines Inc e a Northwest Airlines Corp disseram em abril que planejavam uma fusão para se tornarem a maior companhia aérea do mundo, procurando conter a escalada nos preços de combustíveis, a economia fraca e crescente competição das companhias européias enquanto as barreiras comerciais caem nas viagens transatlânticas.

Depois de registrar 35 bilhões de dólares em perdas e finalmente emergindo de uma queda de 5 anos em 2006, as companhias aéreas norte-americanas esperam que as fusões possam conceder um maior poder no mercado para reduzir vôos e aumentar tarifas.

As companhias também enfrentam um renovado senso de urgência para cortar custos enquanto os preços do combustível mais que dobraram desde o início do ano passado.

A Continental, a American e a British procuram formar alianças e depois tentarão imunidade anti-truste. A United também procuraria imunidade se formasse uma aliança com a Continental, disse uma das fontes.   Continuação...